Feira de Orquídeas chega em sua 22ª Edição





O tradicional evento "Feira de Orquídeas" realizado todos os anos em Londrina, tem início dia 30 de agosto e segue até dia 09 de setembro, no Armazém da Moda. Estará aberto à visitação das 10 às 21 horas, exceto aos domingos, que as atividades se encerram uma hora mais cedo, às oito da noite.

A Feira traz grande variedade de flores em cores e formatos, além de diversos exemplares diferentes e exóticos para comercialização, com preços acessíveis. Além disso, haverá sorteio de espécies como atrativo aos visitantes.

O evento vai promover o curso “Cultivo prático de orquídeas com ênfase em Vandas”, ministrado pelo professor Ricardo Tadeu de Faria, professor do Departamento de Agronomia, da Universidade Estadual de Londrina. O curso será nos dias 07 e 14, das 15h30 às 17 horas e no dia 13, das 19h30 às 21 horas. O valor da inscrição para participar é de R$ 30,00, com a opção de garantir uma apostila por R$15,00.

As vagas para o curso são limitadas! Para se inscrever, entre em contato pelo telefone (43) 3348-0154


O estacionamento e a entrada no evento são gratuitos. 
O Armazém da Moda fica na avenida Tiradentes, 1411. 

Orquídea da Semana + Sorteio


Oncidium baueri 


Popularmente conhecida no Brasil como "chuva-de-ouro", a orquídea Oncidium baueri é principalmente encontrada no Brasil, no Paraguai e no Norte da Argentina, mas são distribuídas por toda a América Tropical. Além de ser uma espécie onde as pétalas e sépalas são bastante pequenas em relação ao labelo, a planta é repleta de cores vibrantes.

Origem: Norte AS
Dimensão da flor: 3 x 3
Haste floral: 1 a 3 cm
Altura da Planta: 80 cm
Época de floração: verão
Sombreamento: 50%
Temperatura: 10 a 35°C

Se você gostou da nossa Orquídea da Semana e quer ganhar uma, basta participar do sorteio. Comente "eu quero" nesta postagem. O ganhador deverá retirar a planta no Orquidário UEL, na sexta-feira, das 08:30 às 15 horas. Falar com o Seu Geraldo.  O resultado sai no dia 05/08 (segunda-feira). Boa sorte a todos!

*A foto menor é para ilustrar como a orquídea ficará quando florescer.*

Londrina sedia 1ª Exposição Nacional das orquídeas Cattleya walkeriana e nobilior


A 1ª Exposição Nacional das orquídeas Cattleya walkeriana e nobilior foi realizada de 12 a 14 de Julho de 2019, em Londrina, promovido pela Confraria de Colecionadores de C. walkeriana e nobilior (CWN). O evento contou com palestras sobre os temas "Melhoramento Genético" e "Nutrição de Orquídeas". Os visitantes também puderam adquirir mudas e plantas adultas multiplicadas em laboratório por produtores de todo o país. Além disso, houve um concurso para o julgamento técnico das melhores plantas da exposição. O professor Ricardo Faria, que esteve presente na Exposição, explica que ambas são espécies brasileiras e que estão em risco de extinção devido a destruição de seus habitats e a coleta predatória.

A Cattleya walkeriana foi descoberta por George Gardner, em 1839, à margem de um riacho afluente do Rio São Francisco, em Minas Gerais. Seu nome é uma homenagem a Edward Walker, assistente do botânico que o acompanhava. A espécie também pode ser encontrada em ambiente selvagem nos estados de Goiás, Mato Grosso e São Paulo, sempre próxima a rios, lagos ou pântanos. 
Sua fragrância, que lembra o aroma de canela, e sua variedade de cores chamam a atenção. A espécie se adapta muito bem ao cultivo em ambiente interno, desde que tenha boas condições de umidade e iluminação.
A Cattleya nobilior foi descrita em 1883 pelo botânico alemão Heinrich Gustav Reichenbach, orquidófilo que identificou, descreveu e classificou mais de mil espécies de orquídeas durante sua carreira. O nome desta espécie, “nobilior”, deriva do latim e significa “mais nobre”, “melhor”. Muitos acreditam que seja em referência à Cattleya walkeriana, com qual é freqüentemente comparada. O cultivo desta espécie é reconhecido por muitos como difícil. Porém, proporcionando às plantas um ambiente parecido ao que ela tem na natureza, é possível atingir uma boa qualidade de vida à planta. 

Confira algumas fotos de espécies que estiveram na Exposição:

Cattleya walkeriana alba

Cattleya nobilior

Cattleya nobilior amaliae

 
Cattleya walkeriana semi alba

Cattleya walkeriana

Fotos: Ricardo Faria/Orquidário UEL

Orquídea da Semana


Olá! Começaremos hoje uma série semanal intitulada "Orquídea da Semana". Aqui, você poderá ler informações técnicas e curiosidades sobre as variadas espécies de orquídeas e se encantar ainda mais. Não deixe de acompanhar! 

Koellenstenia tricolor
Foto: Sandro Lucas

Origem: Brasil
Dimensão da flor: 1,8 x 1,8 cm
Haste floral: 50 cm
Altura da Planta: 50 cm
Época de floração: verão
Duração da flor: 25 dias
Sombreamento: 50%
Temperatura: 10 a 35°C
Curiosidade: nome deste gênero Koellenstenia - é uma homenagem ao Capitão Friedrich Marcus Freiherr Kellner von Köllenstein (1802 – 1881), orquidófilo austríaco. 

Livro contém resumos dos trabalhos do III SIMBRAORQ



















Olá! 
Meu nome é Juliana Félix, sou estudante do 3º ano de Jornalismo da Universidade Estadual de Londrina (UEL) e a partir de agora estarei retomando as atividades do site e demais redes sociais do Orquidário UEL, sob coordenação do professor Ricardo Faria. Teremos postagens semanais sobre esse universo fascinante que é o cultivo de Orquídeas. Seja você um colecionador, um comerciante, um pesquisador ou apenas um curioso apaixonado por plantas, não deixe de nos acompanhar!  
__

Estão disponíveis no endereço Livro os resumos dos trabalhos do III Simpósio Brasileiro Sobre Cultivo de Orquídeas (SIMBRAORQ), realizado de 20 a 23 de março de 2018, na Universidade Estadual de Londrina.
O evento teve a participação de grupos de pesquisas de várias regiões do país e, também, de outros países. Durante os quatro dias, a programação contou com palestras, apresentação de trabalhos e cursos de curta duração, relacionados a Indústria da Orquídea, que foi o tema da edição. 
Confira no link Banners os trabalhos apresentados por alguns dos participantes da UEL, no SIMBRAORQ 2018.


1ª Oficina de Horticultura da UEL


Estão abertas as inscrições para o 1ª HORTUEL - Oficina de Horticultura da UEL, que será realizado no dia 15 de junho das 8h30 às 12h30, no Anfiteatro da Pós-graduação do curso de Agronomia, no Centro de Ciências Agrárias. Interessados devem fazer a inscrição pelo endereço Hortuel até o dia 12. O investimento é de R$ 35,00, mais doação de dois quilos de alimentos não perecíveis, que deverão ser entregues no dia do evento, os quais serão doados para instituições de caridade.

A oficina conta com carga horária de 4 horas. Os professores Camilla Pacheco e Ricardo Faria, do Departamento de Agronomia, serão responsáveis pela programação, que prevê capacitação sobre o Cultivo de Horta Caseira – planejamento, como encontrar o local mais adequado, preparo do solo, etc – e Cultivo de Orquídeas, – espécies, regas e adubação, pragas e doenças, etc – além da parte prática da oficina, intitulada “mãos à obra”. Cada participante levará para casa seus vasos com mudas de orquídea e hortaliça.

Realização – A realização é da Universidade Estadual de Londrina, juntamente com o Orquidário UEL (Site: www.orquidariouel.com.br), a Pró-Reitoria de Extensão (PROEX) e o GEFRUTS, e conta com apoio da Londriestufa, Rotary Clube Londrinão e Gramado Sementes.

Mais informações pelo e-mail hortuel@gmail.com. 

Resumos para o III SimbraOrq foi prorrogado até 20 de fevereiro



A submissão de resumos para o III Simpósio Brasileiro sobre Cultivo de Orquídeas (SimbraOrq) que acontece entre os dias 20 a 23 de março de 2018 na Universidade Estadual de Londrina (UEL) teve sua data estendida até o dia 14 de fevereiro de 2018.
É possível também, realizar as inscrições para os mini cursos que ocorrem no primeiro dia do evento (20), que terá lições como cultivo de orquídeas, propagação in vitro, criopreservação, biorreator, substratos e nutrição.
Não perca tempo e faça já sua inscrição!

Serviço

III SimbraOrq - Simpósio Brasileiro sobre Cultivo de Orquídeas
Data: 20 a 23 de março de 2018
Local: Universidade Estadual de Londrina (UEL)
As inscrições do III SImbraOrq devem ser realizadas no website do evento.
Para mais informações, acesse a página do evento no facebook, clicando aqui.

Aprenda a eliminar pragas em orquídeas


Em mais um quadro "Meu Jardim", assista e aprenda a eliminar pragas de orquídeas com técnicas simples e caseiras

Pragas podem atacar raízes e folhas de orquídeas (Foto: Alanis Brito)

As orquídeas são maravilhosas por natureza. Mas o que podemos fazer quando surgem pragas nessas plantas? E quais técnicas caseiras e simples que posso realizar dentro de casa para eliminá-las? No quadro "Meu Jardim" da RPC com a colaboração do professor de agronomia e coordenador do Orquidário UEL, Ricardo Tadeu de Faria, ensina alguns métodos bem simples para evitar este evento. 
Assista abaixo:

Para mais vídeos, clique aqui ou acesse nossa página do Facebook.

Artigo sobre abacaxi ornamental é publicado


No artigo orientado pelo professor Ricardo Faria, são discutidos substratos para aclimatização de mudas produzidas in vitro.



Abacaxi ornamental (Foto: Eduardo Uip)

O abacaxi ornamental pode ser uma excelente opção para arranjos paisagísticos e uma das formas de produção de mudas é por meio de cultura de tecidos. Esse tema está presente no artigo intitulado "Acclimatization and growth of ornamental pineapple seedlings under organic substrates" (Aclimatação e crescimento de mudas do abacaxi ornamental sob substratos orgânicos), orientado pelo professor de agronomia da Universidade Estadual de Londrina (UEL), e produzido pelos alunos Ronan Carlos Colombo, Vanessa Favetta, Maria Aparecida Da Cruz, Deived Uilian De Carvalho, Sergio Ruffo Roberto. Publicado na revista Ornamental Horticulture, o objetivo do presente estudo é avaliar a aclimatização de abacaxi ornamental [Ananas comosus (L.) Merr. var. ananassoides (Baker) Coppens & Leal] em diferentes substratos.
Para saber mais, clique aqui para ler o artigo completo.



Fontes: Ornamental Horticulture

Inscrições abertas para o III SimbraOrq



O III Simpósio Brasileiro sobre Cultivo de Orquídeas (SimbraOrq) que acontece entre os dias 20 a 23 de março de 2018 na Universidade Estadual de Londrina (UEL), em Londrina (PR), já está com as inscrições abertas! Há descontos nas inscrições nos meses que antecedem o evento e podem se inscrever até o dia 11 de março de 2018.
Está aberto também as inscrições para o minicurso até o dia 14 de dezembro. De valor de R$ 50,00 é limitado para cada participante e é aberto a comunidade geral. Acontece no primeiro dia do evento (20) e será ministrado cultivo de orquídeas, propagação in vitro, criopreservação, biorreator, substratos e nutrição.


Evento


O III SimbraOrq é uma realização do Departamento de Agronomia da UEL, da Empresa júnior de consultoria do curso de agronomia (Consoagro), da Universidade Federal do Ceará (UFC) e da Universidade Estadual Paulista (Unesp), Câmpus de Jaboticabal. 

O simpósio terá como tema central "A indústria da orquídea", que irá ser discutido nos três dias através de palestras e apresentação de trabalhos científicos, temas como banco de sementes, biofábrica de orquídeas, substratos, nutrição e pós colheita.

Espera-se um público entre professores, estudantes de graduação, pós-graduação da área e a apresentação de diversos trabalhos científicos.

Serviço


III SimbraOrq - Simpósio Brasileiro sobre Cultivo de Orquídeas
Data: 20 a 23 de março de 2018
Local: Universidade Estadual de Londrina (UEL)
As inscrições do III SImbraOrq devem ser realizadas no website do evento.
Para mais informações, acesse a página do evento no facebook, clicando aqui.



Inscrições através do link, clique aqui.


Logo oficial do evento